Postagens

Mostrando postagens de Janeiro, 2017

A fortuna traz mesmo a felicidade?

É comum que associemos a felicidade à fortuna.

Afinal, quem não gostaria de ter uma vida mais confortável e menos sofrida?

Ou mesmo nem precisar mais trabalhar, atirando-se num mar de ócio em alguma praia tropical?

Esse é um sonho de muitos, mas é um sonho que não reflete a verdade.

Como assim?

Todas as coisas do mundo são perecíveis. Tudo que está no mundo está sujeito ao desgaste, à decomposição.

Quando apoiamos nossa felicidade em coisas perecíveis, tornamos nossa felicidade também perecível.

Você subiria em uma escada comida por cupins?

Você se penduraria em uma corda velha e gasta?

Se não confiamos nem o nosso peso às coisas que são perecíveis, como confiaremos nossa felicidade à elas?

Pensemos por um instante em todos os artistas famosos, que não só sendo portadores de fortuna, como também de fama, prestígio, respeito, idolatria, atiraram-se às drogas para anestesiarem-se da realidade? E todos aqueles acometidos pela depressão? E os que suicidaram-se?

Como que seres portadores d…

Porque os vícios são tão nocivos? - O texto definitivo

Praticamente todas as pessoas possuem algum tipo de vício.

Alguns deles são mais prejudiciais, outros menos.

Alguns deles afetam somente o viciado, outros afetam também quem convive com o viciado.

Mas hoje não vamos falar dos tipos de vícios, que são muitos: cigarro, bebida, drogas, remédios, jogos, adrenalina, sexo, café, comida, limpeza, organização, etc.

Hoje vamos falar das motivações e consequências dos mesmos, como forma de melhor entendê-los e nos conscientizarmos sobre o tema, fazendo uma análise racional em vez de sairmos dizendo que tudo é proibido ou que é "pecado".

Todos os espíritas sabem que no Espiritismo não há "permitido" e "proibido". O que há é o esclarecimento das consequências de cada atitude. Cada um usa o seu livre arbítrio para fazer suas próprias escolhas, ao mesmo tempo em que entende que haverá de enfrentar as consequências de seus atos (e depois não adianta reclamar porque sofre...).


- Motivação dos vícios

Todo vício esconde um…

[Motivação] Nunca desista!

Nunca desista! Você é a única pessoa capaz de mudar a sua vida. Mova-se. Arrisque. Erre. Aprenda. Levante-se mais forte. Tente novamente. Tente diferente. 
Quando tudo estiver difícil, olhe para dentro de você e veja o poder. Você sabe que tem, sabe que ele está lá, adormecido, pronto para explodir e irradiar por toda a sua alma.
E não importa quantas portas estejam fechadas, pelo menos uma delas vai ceder quando receber o seu ímpeto de vontade.
Você é capaz. Seja forte e nunca desista, porque nenhuma vitória é alcançada sem esforço. 
Venca o possível. Enfraqueça o impossível. Mostre ao mundo que você veio pra vencer.
Chore, grite, mas salve suas energias para comemorar quando tudo dá certo. E não esqueça do mais importante: nunca desista! 

O ano novo é novo, mas e eu? Sou novo também?

O ano termina e junto com ele vem a frustração por todas as coisas que queríamos fazer e não fizemos.

Para superar essa depressão, nada melhor do que fazer a lista das metas para o próximo ano.

Até aí, tudo estaria dentro da normalidade. Mas sabe onde que está o problema?

A lista das metas de 2017 é igual à de 2016, 2015, 2014, 2013... e assim por diante.

Alguns itens podem mudar sua roupagem, mas o essencial continua igual.

Sabe por quê?

Porque os anos mudam, mas nós não mudamos.

Conseguimos chegar até metade do caminho: identificamos que falhamos, onde falhamos e o que fazer de diferente. E não vamos para a parte mais importante: colocar em prática.

Continuamos anos após anos fazendo sempre as mesmas coisas, tendo a mesma atitude mental, a mesma postura em relação à vida e as pessoas e queremos que em um passe de mágica surja um resultado diferente.

Mas tudo continua igual.

Sabemos que é doloroso mexer em estruturas que criamos para "sobreviver" no mundo. Somos cheios de m…